sábado, 8 de novembro de 2008

Dog Eat Dog

É lamentável, além de se configurar numa verdadeira afronta a democracia, o que tanto governo quanto oposição farisaica vêm fazendo ao delegado Protógenes Queiroz. Uma verdadeira pá de cal ao pouco de dignidade restante ao governo Lula. A inversão de valores é despudoradamente tão grande, que não me admira mais o estapafúrdio, como o do assaltante que entrou na justiça contra a vítima alegando ter sido maltratado pela mesma durante o ato empreendido pelo meliante. Isso ocorreu essa semana em BH.

Tão estapafúrdio quanto, é o fato dum delegado da Polícia Federal ser investigado por essa mesma instituição por ter levado adiante uma operação contra um banqueiro – diga-se de passagem, um banqueiro que responde a processos na Itália e nos EEUU. E que, é do conhecimento de todos, espionou o próprio governo brasileiro.

Estamos hoje diante da mais verdadeira e calamitosa consumação da plutocracia tupiniquim. O sistema judiciário foi feito pelas elites, para as elites e não aceita que esse status-quo seja alterado.

Enquanto lia no Vi o Mundo um texto do Azenha, –“Todo mundo é esperto. Só você leitor, é idiota” [http://www.viomundo.com.br/opiniao/todo-mundo-e-esperto-so-voce-leitor-e-idiota] – curiosamente ouvia “Dog Eat Dog” de uma das melhores bandas de rock pauleira de todos os tempos, os australianos do AC/DC :

“Well it's a dog eat dog, eat cat too
The French eat frog, and I eat you
Business man when you make a deal
Do you know who you can trust
Do you sign your life away
Do you write your name in dust”

Então comecei a traçar um paralelo entre a citada canção e o Presidente Lula. Lula está disposto a vender a alma para eleger seu sucessor, ou quem sabe voltar em 2014, ou 2015, dependendo da regra a vigorar até lá. Para tanto não poupa esforços nesse sentido.

Já escrevi que não estamos longe de Lula nomear Daniel Dantas primeiro-ministro. Na verdade hoje tenho convicção que Dantas tem muito mais poder no Planalto do que muito ministro de Estado.

De Gilmar Mendes, da turma da sacrossanta aliança de oposição farisaica, demos-tucanos-liqüidacionistas – Arthur Virgílio, Heráclito Fortes e Raul Jungmann à frente – não poderia esperar menos. Entretanto sem querer parecer piegas, é triste ver um presidente que chegou onde chegou graças aos movimentos populares rebaixar-se tanto. Não esperava de Lula uma revolução, no entanto o grau de promiscuidade entre o atual governo e o grande capital, além de ser nojento, odioso, repudiável, obsceno e pernicioso, é de uma lesa democracia – a pouca que temos – tanto quanto foi o nefasto governo FFHH.

Tambem não sei se Lula é tão ingênuo como muitos de seus detratores e até mesmo antigos aliados, e parte da imprensa alternativa pensam. Todavia é verídico o risco que corre, ao deixar o governo, de tornar-se pó. Como diz a letra do AC/DC:

Bem um cão devora outro cão, e também devora um gato...
Homem de negócios, quando você faz um acordo
Você sabe em quem você pode confiar?
Você assina e põe sua vida em perigo?
Você escreve seu nome no pó?

3 comentários:

Renan disse...

Hudson, obrigado pelos elogios na postagem da "Tréplica". Agradeceria também se você visse alguns esclarecimentos que também fiz no meu blogue. Nada que mereça outra resposta sua, mas somente algo pra pensar.
Vou ler agora as outras postagens, sobre Bush e sobre Obama.

Blog do Morani disse...

Em 08/11/08

Amigo Hudson:

Precipuamente, desejo agradecer mais uma gentileza de sua parte inserindo em seu espaço a minha homenagem ao meu falecido pai que em 11 próximo completaria 110 anos!
Sem quaisquer protecionismos, devo dizer que ele foi um político de peso, de respeito e de honestidade; um guerreiro, até o seu fim prematuro.
Mas, agora,permita-me dizer apenas o seguinte do episódio com a prisão de Daniel Dantas: gostei de ouvir o senhor Protógenes Queiroz corajosamente aludir à pessoa do banqueiro a pecha de "ladrão", que é realmente o que tem sido. Desprezo esse Poder Judiciário e toda a sua composição. Tremo de revolta ao ver a proteção dada por aquele Poder que deveria exemplificar e apoiar um delegado do peso desse senhor Protógenes, e o Digno Juiz Santini, que expediu a ordem de prisão a esse ladrão engravatado, prepotente e liso como baba de quiabo! É só o que tenho a comentar, com muito desassossego, descrença e revolta!

Abraços Morani

hudson luiz disse...

Fernando disse em 10/11/2008

Prezado Hudson
A respeito do teu e-mail, leio hoje que a PF vai (ou quer) processar o Protógenes. Não sei o que ele fez ou deixou de fazer mas a atitude foi de prender um bandido, ladrão de colarinho branco. Como se diz, um feito muito bem feito. Mas, como estamos no Brasil, prenda as galinhas e solte a raposa.
Decididamente não temos conserto! Aqui só o "paredon" e sem muita conversa!