domingo, 1 de janeiro de 2012

Conjuntura Política em Poços de Caldas: rupturas, mudanças e apatia esquerdista

Pelo Prof. João Alexandre Moura Oliveira

A pouco mais de dois meses escrevemos neste espaço um artigo sobre a conjuntura política de Poços de Caldas, confesso que não esperava tamanha repercussão nas ruas, bancos escolares e principalmente em meu e-mail. Curiosamente após a publicação do devido artigo coincidentemente a maratona eleitoral sulfurosa teve início. Reuniões partidárias, pré-candidatos dando as caras, polêmicas em programas de TV, nas redes sociais, declarações em blogs e algo que poderia esquentar em meados de maio e junho de 2012 foi totalmente antecipado, o processo eleitoral 2012 está “bombando” no planalto de solo vulcânico, a promessa é de muitas erupções políticas até outubro de 2012.

A ruptura do prefeito Paulinho Couro Minas (PPS) com sua base de sustentação (DEM,PSDB e PV) provocou uma nova configuração para as eleições 2012. Cabendo lembrar que havíamos falado no artigo anterior da possibilidade de uma terceira via e outras forças políticas em Poços de Caldas com uma candidatura ao executivo do PSDB de Mosconi, DEM de Navarro ou do PSD de Geraldo Thadeu.

Interessante salientar neste quadro de mudanças a possibilidade do PMDB agregar junto à atual administração, partido este que até o momento era oposição. Porém quem conhece o PMDB nacional e estadual realmente poderá deduzir que a linha política do PMDB local não seria diferente, tudo pela tal “governabilidade fisiologista”. Saudades do Ulysses Guimarães.

E a esquerda em Poços? Realmente os partidos de esquerda estão apáticos ao processo eleitoral. O PT terá candidato ao executivo? Rumores sulfurosos relatam a possibilidade de uma chapa PSD de Geraldo Thadeu e PT ? Será? Neste caso como ficaria a situação PSDB e DEM? Teríamos três fortes candidaturas? Uma com Paulinho, outra com Geraldo e outra a se definir junto ao grupo Mosconi (PSDB) e Navarro (DEM)? Voltando a pergunta, e o PT? Será protagonista ou coadjuvante em 2012? E a articulação de esquerda em Poços? Existe ? Onde estaria o PSOL, PSB, PCB, PC do B ? E os movimentos sociais? Continuarão fragmentados? Ou a questão é estratégica?

Realmente acreditamos em um processo eleitoral saudável e democrático em Poços, portanto a apresentação de forças e articulações políticas é de extrema importância para promover o debate sobre os problemas da cidade e estimular a participação do eleitor (cidadão).

2012 promete ser a maior eleição da história de Poços de Caldas, número de vereadores a se decidir e indubitavelmente uma interessantíssima disputa rumo ao executivo municipal. Em breve cenas do próximo capítulo vulcânico-sulfuroso.

João Alexandre Moura Oliveira; Professor, apartidário e analista político nas horas vagas.
e-mail: joaoalexandremoura@yahoo.com.br

4 comentários:

Para Glória de Jesus Cristo disse...

Boa noite

Um Salmo, sem motivo especifico por ter deixado no seu blogger, mas por agradecimento as bênçãos que Deus nos proporciona e especifico para que leia, simplesmente pela leitura das Escrituras de Deus, que sempre fala ao nosso SER.

SALMO 65
1 A TI, ó Deus, espera o louvor em Sião, e a ti se pagará o voto.
2 Ó tu que ouves as orações, a ti virá toda a carne.
3 Prevalecem as iniqüidades contra mim; porém tu limpas as nossas transgressões.
4 Bem-aventurado aquele a quem tu escolhes, e fazes chegar a ti, para que habite em teus átrios; nós seremos fartos da bondade da tua casa e do teu santo templo.
5 Com coisas tremendas em justiça nos responderás, ó Deus da nossa salvação; tu és a esperança de todas as extremidades da terra, e daqueles que estão longe sobre o mar.
6 O que pela sua força consolida os montes, cingido de fortaleza;
7 O que aplaca o ruído dos mares, o ruído das suas ondas, e o tumulto dos povos.
8 E os que habitam nos fins da terra temem os teus sinais; tu fazes alegres as saídas da manhã e da tarde.
9 Tu visitas a terra, e a refrescas; tu a enriqueces grandemente com o rio de Deus, que está cheio de água; tu lhe preparas o trigo, quando assim a tens preparada.
10 Enches de água os seus sulcos; tu lhe aplanas as leivas; tu a amoleces com a muita chuva; abençoas as suas novidades.
11 Coroas o ano com a tua bondade, e as tuas veredas destilam gordura.
12 Destilam sobre os pastos do deserto, e os outeiros os cingem de alegria.
13 Os campos se vestem de rebanhos, e os vales se cobrem de trigo; eles se regozijam e cantam.

Abraços
Jesus Cristo te Ama!.
Ele é o Caminho a Verdade e a Vida.

Anônimo disse...

Concerteza essa sera sim uma eleição que muitas pessoas antigas nao presenciaram. Ontem dia 31/12/2011. O prefeito Paulinho Couro Minas em entrevista ao apresentador Clayson Filisola exibido na Tv Plan no programa Plantao 47, explicou sobre "algumas" exoneraçoes, defendeu ataques que vem recebendo principalmente de navarro e Mosconi, alegando que a briga é por causa de sua reeleicao, dizendo que o SR. Sebastiao Navarro quer Lançar sua filha como Canditada. isso ainda vai dar muito pano pra manga. vamos acompanhar as novas declaraçoes dos citados pelo prefeito se vao querer o direito de resposta, ja proposto pelo apresentador Clayson. att neto

Alexandre disse...

Análise perfeita da atual conjutura política de Poços.Pricipalmente relativa e esquerda, que se mostra totalmente inerte até o presente momento, penso que é preciso deixar a vaidade de lado e abandonar um esquerdismo tolo que não leva a nada; é preciso pensar em um bloco com os partidos de esquerda de Poços e aproveitar tal momento...unir forças!

Tiago Fidel disse...

É justamente o esquerdismo tolo, citado pelo companheiro acima, que tem impedido, ou pelo menos espero que impeça, que algumas alianças anteriormente impensadas, se realizem na atualidade e destruam tudo de coerente que a fragmentada esquerda poços caldense fez até hoje. Chega de pragmatismo político. Precisamos de uma proposta a longo prazo para a cidade.